temple-140688_1920.jpg

ÁSIA

“PONGAL”

O FESTIVAL DA COLHEITA - SUL DA ÍNDIA E SRI LANKA

VOLTAR.png

RETORNAR

INTERESSADO.png

ESTOU INTERESSADO

TOUR COMPLETO.png

TOUR COMPLETO

PDF COM FOTOS

ICONE IMPRESSORA.png

PDF IMPRESSÃO

 

Conheça o

Tour Completo 

“PONGAL”

O FESTIVAL DA COLHEITA - SUL DA ÍNDIA E SRI LANKA

CHENNAI- TRICHY- TANJORE- KARAIKUDI- MADURAI- PERIYAR- ALLEPPEY -COCHIN COLOMBO- HABARANA- KANDY

13 DIAS / 12 NOITES

 

INICIO DO TOUR:

11 DE JANEIRO

Mínino de 2 pessoas

 

Nossa visita a Madurai será durante o Pongal, festival de colheita de quatro dias realizado em Tamil Nadu, no sul da Índia, para celebrar a primeira colheita. Visitaremos uma cidade local para conhecer a vida rural, e usaremos os trajes tradicionais; saree para mulheres e vetti (lungi) para homens. Juntos, participaremos da preparação do arroz doce cozido, prato típico do Pongal com cereais, frutas secas, cana-de-açúcar e açafrão, feito em panela de barro, no fogão a lenha. Assistiremos apresentações de danças típicas e shows acrobáticos.

 

 

11 DE JANEIRO - CHENNAI

Chegada ao aeroporto e traslado ao hotel. Os quartos estarão disponíveis para o check-in a partir das 14h. Primeiro assentamento britânico na Índia, Chennai, foi estabelecido em 1639 pela East India Company no assentamento rural pesqueiro chamado Chennaipatnam. Madras, a capital de Tamil Nadu e que desde 1996 se chama Chennai, é uma enorme metrópole industrial e de informática na Índia. É também conhecida como a “Capital Cultural da Índia” por suas tradições e seu patrimônio ancestral. Hospedagem.

 

12 DE JANEIRO - CHENNAI/MAHABALIPURAM/CHENNAI

Café da manhã. Pela manhã, partida para Mahabalipuram. (56kms, 2 horas aprox.). Visitaremos os santuários monolíticos de Mahabalipuram e os templos das cavernas esculpidas em rochas, entre eles, o Templo da Costa, construído em honra ao deus Shiva, e os Cinco Rathas, um grupo de templos em homenagem aos cinco irmãos Pandavas de Mahabharata. Conheceremos a famosa Penitenciária de Arjuna e retornaremos a Chennai. À tarde, visita ao Templo Kapaleeswarar, em Mylapore, um templo antigo com mais de 300 anos e à Basílica de São Tomé, que abriga o túmulo de São Tomé Apóstolo. Visitaremos o Museu do Governo (fechado às sextas-feiras) e a Galeria Nacional considerada um dos melhores acervos de esculturas de bronze do país dos séculos X e XIII, incluindo Chola Nataraj - esculturas de Shiva dançando em arco de fogo cósmico, quase tão importantes na Índia quanto o Taj Mahal. Hospedagem no hotel.

 

13 DE JANEIRO - CHENNAI/TRICHY/TANJORE

Café da manhã. Pela manhã, traslado ao aeroporto e embarque para Trichy, cidade que fica ás margens do rio Cauvery. Durante a era Cristã, o local era um bastião do poder da dinastia Chola. Hoje em dia, Trichy é uma fina mescla de tradição e modernidade construída ao redor da Fortaleza da Rocha. Visitamos o Templo de Srirangam que conta com 22 gopurams (um elemento característico da arquitetura dos templos hindus do sul da Índia, que consistente em uma torre ornamental situada sobre a entrada do recinto do templo), um deles é o mais alto da Índia, com 72 metros de altura e que se chama Rajagopuram. Foi construído em 1987 e domina a paisagem a quilômetros de distância, enquanto que os 21 gopurams restantes foram construídos entre os séculos XIV e XVII. Continuamos pela estrada até Tanjore. (57km - 2 horas aprox.) também conhecido como Thanjavur se deriva de "Tanjan", um asura (gigante) na mitologia hindu que foi morto e que agora é Thanjavur pelo Deus hindu Neelamega Perumal, uma forma de Vishnu. Tanjore foi a antiga capital dos reis de Chola, cujas origens remontam ao início da era cristã. Thanjavur produziu muitos músicos clássicos e bailarinos de Bharatanatyam e também é conhecida pelo seu estilo de pintura único chamado Tanjore. A parte das centenas de templos antigos, o distrito também é conhecido por seu requintado artesanato em bronze e confecção de instrumentos musicais.Traslado e hospedagem no hotel.

 

14 DE JANEIRO - TANJORE/KARAIKUDI/MADURAI

Café da manhã. Pela manhã visita ao Tanjore visitando o Templo Brihadeeswara e o Palácio de Thanjavur. O Templo Brihadeeswara é a joia da coroa da arquitetura Chola. O templo foi criado em 1010 pelo Rajaraja (cujo nome significa literalmente "rei dos reis"), um monarca conhecido por dedicar importância aos artistas (bailarinos, músicos, barbeiros e poetas) escrevendo seus nomes na parede do templo. Visitaremos o Palácio de Thanjavur, um grande edifício de alvenaria construído parcialmente pela dinastia de Nayaks por volta de de 1550 A.D., e parcialmente por Marathas. Caracteriza-se por seus corredores enormes e salas espaçosas; as torres do palácio, o arsenal e as torres de observação são visíveis de quase todas as partes da cidade. Situado no interior do palácio, o museu Raja conta com a melhor coleção de bronze da região. Seguiremos até Madurai (210 km - 5h aprox.) visitando Karaikudi, casa dos Chettiar, também conhecida como a região de Chettinadu. Os comerciantes de Nattukottai Chettiar seguiram a expansão do Império Britânico no Sudeste da Ásia para seu negócio. Eles trouxeram a teca Birmana e telhados europeus para suas mansões, assim como a inspiração da arquitetura colonial para o palácio. Também incorpora a riqueza da escultura em madeira e a arte dos artesãos locais. Chegada à Chettinad Mansion, que foi construida em 1902 e até agora é bem mantida pela família que ainda vive nela. Massagem nos pés incluída. Depois, desfrute de um almoço típico de Chettinad na Mansão. Explore algumas mansões de Chettinad, a vila, aprecie as lojas de tecidos do traje típico indiano, o saree, e veja os artesões locais que fazem o famoso azulejo de Chettinad. A arquitetura de Chettinad é destacada por grandes espaços nos corredores e pátios, carpintaria intricada, azulejos espetaculares, pilares de pedra, ferro e madeira, de beleza incomparáveis. ​Após a visita, continuaremos pela estrada para Madurai, famosa pelo imponente complexo do Templo Sri Meenakshi. A cidade é a mais antiga (quase 2.500 anos) da península indiana, era a capital de um reino que governou a maior parte do sul da Índia durante o século IV e realizou comércio em lugares tão distantes quanto a Grécia, Roma e China - um dos primeiros registros escritos de seus esplendores foi feito pelo historiador e etnógrafo grego Megasthenes, datado de 302 aC. A cidade tem uma menção especial na biografia de Mahatma Gandhi, uma vez que foi em Madurai, em 1921 que ele renunciou ao uso de qualquer outro tecido que não fosse o “khadi” (tecido fabricado na Índia). Traslado ao hotel e hospedagem.

 

15 DE JANEIRO - MADURAI

Café da manhã. Nesse dia, com o auxilio de nossa equipe, vestiremos os trajes típicos( para as mulheres, haverá saree , tecido com 8 metros, decorado com cores vivas e para os homens haverá o vetti , um longo tecido enrolado da cintura até os tornozelos ). Iremos para um vilarejo local, onde seremos recebidos pelas pessoas da cidade com música e dança folclóricas. Pongal é o festival da colheita, uma ocasião para agradecer ao Deus do Sol e à natureza, para celebrar os ciclos de vida que os grãos nos dão. Este é tradicionalmente o mês dos casamentos  e quando se jogam fora as coisas velhas. Na festa é feito o Kolam (conhecido como Rangoli no norte da Índia) com pó de arroz para fazerem os desenhos na entrada da casa, no chão, para dar as boas-vindas. Kolam é muito valioso, pois oferece às mulheres/meninas da casa a oportunidade de mostrar seus artesanatos e também tem o poder de transformar o mau humor em bom humor. Vamos contemplar a preparação do prato de arroz doce de Pongal com várias ervas e especiarias exóticas, cozido em vasos de cerámica, que as mulheres decoram com flores de jasmim para a longevidade da vida do marido. Eles usam o arroz da primeira colheita, lentilhas, açúcar mascavo, frutas secas como castanha de caju, etc. Há shows programados para oferecer  sua encantadora música e e uma dança típica chamada Carnatic, um ritmo muito animado. O festival está chegando ao fim e retornamos à cidade para visitar o Palácio Thirumalai Nayak, construído em 1636 dC, por Tirumalai Nayak, um dos principais reis da dinastia Nayak que governava Madurai. O imponente edifício é famoso pelo "estuque" em suas impressionantes cúpulas e arcos. O pavilhão celestial construído inteiramente de tijolo e argamassa sem o apoio de uma única viga ou parafuso, é uma maravilha do estilo arquitetônico indo-sarcênico. Há um museu no prédio do palácio, que possui seções que tratam da história dos Madurai e da arte e arquitetura de Tamil Nadu. Em seguida, visitaremos o Templo Meenakshi, um dos maiores templos do país. O histórico templo Madurai, no coração da cidade velha, é um exemplo da arquitetura Drávida, com gopurams cobertos de cima para baixo em uma impressionante profusão de imagens multicoloridas de deuses, deusas, animais e figuras míticas. O destaque do templo é o Meenakshi Nayakkar Mandapam, 'Salão das Mil Colunas'. Possui duas fileiras de pilares esculpidos com imagens de yali (animal mitológico com corpo de leão e cabeça de elefante), usado como símbolo do poder de Nayak. Visto de qualquer ângulo, esses pilares parecem estar em linha reta. Participaremos das orações da noite, que consistem em cânticos religiosos, música carnática, incensos e cânfora, realizadas no templo Meenakshi. Retorno ao hotel e hospedagem.

 

16 DE JANEIRO - MADURAI/PERIYAR

Café da manhã. Pela manhã, saída para Periyar (150 km, aprox. 4 horas) que originalmente era o local de caça do marajá de Travancore. Embora seja uma reserva de tigres, avistamentos de tigres são raros, mas a reserva também abriga elefantes, preguiças, sambar, bisonte indiano ou gaur, cães selvagens, leopardos, cervos malhados, esquilos voadores de Malabar, cervos raspadores, além de cerca de 260 espécies de pássaros. Mais de 2000 espécies de plantas com flores crescem aqui, incluindo pelo menos 150 orquídeas de diferentes tipos. Traslado ao hotel. À tarde, faça um passeio de barco (sem o guia) no lago Periyar, de onde você pode ver os animais que vêm para beber à beira da água. Desfrute de uma visita a um jardim de especiarias (com naturalista) para conhecer as diversas especiarias cultivadas localmente.

As peculiaridades geográficas e climáticas de Kumily, como o clima frio e a elevação do nível do mar, o tornam ideal para o cultivo de especiarias. Uma das principais espécies produzidas na área é o cardamomo. A variedade Cardamom Small é a que mais cresce aqui. Kerala contribui com cerca de 70% da produção nacional de cardamomo, com uma parcela significativa proveniente das plantações de Kumily. Retorno ao hotel e hospedagem.

 

17 DE JANEIRO - PERIYAR/ALLEPPEY

Café da manhã. Pela manhã, saída pela estrada para Alleppey (130 km, aprox.5 horas). Cidade costeira e portão de entrada para Kerala. À chegada, embarque em barco (todos os barcos são construídos com madeira, cordas fortes de fibra de coco). Os quartos climatizados, decorados com bom gosto, com banheiro privativo, possuem grandes janelas de vidro deslizantes para valorizar a vista impressionante.  A espaçosa sala de estar oferece vistas e sons da evolução do panorama exterior. Cada navio tem uma tripulação de três membros - um cozinheiro, um motorista e um comissário de bordo. A cozinha é de sabor tradicional de Kerala, com especialidades locais Karimeen, Desfrute de refeições típicas de Kerala preparadas pelo chef a bordo. Almoço e jantar incluídos. Hospedagem em casa flutuante.

                                                                                                                                                                                 

18 DE JANEIRO - ALLEPPEY/COCHIN

Café da manhã. Pela manhã, partida pela estrada para Cochin (65kms,  aprox. 1 ½ h.) que atrai viajantes e comerciantes há mais de 600 anos e continua sendo uma homenagem ao seu passado colonial variado: as redes de pesca gigantescas influenciadas pelos chineses, uma sinagoga do século XVI, mesquitas antigas, casas portuguesas construídas há meio milênio . O resultado é uma mistura improvável de caracteristicas medievais, portuguesas, holandesas e uma cidade rural inglesa enxertada na costa tropical de Malabar. É um lugar muito agradável para passar o tempo, mergulhar na história, visitar galerias de arte e descansar em uma das melhores acomodações herdadas da Índia. Após a chegada, traslado ao hotel. À tarde visitaremos o Palácio Holandês. Existem murais intrincados nas paredes e o Ramayana é retratado em 45 murais que datam de 1600 - 1700 dC, nas paredes da alcova real. Mais tarde, visitaremos a Igreja de São Francisco, Primeira Igreja Europeia da Índia. Hospedagem

 

19 DE JANEIRO - COCHIN/COLOMBO

Café da manhã. Pela manhã, traslado ao aeroporto para o seu voo para Colombo. Após sua chegada a Colombo, transfer para o hotel. Os quartos estarão disponíveis para o check-in a partir das 12h00min. Colombo é a maior cidade do Sri Lanka e seu principal centro financeiro, comercial e industrial, apesar de que a capital oficial administrativa e a sede do governo se encontra a 10 km, em Sri Jayawardenepura Kotte. Trata-se de uma cidade movimentada, em que os modernos arranha-céus do centro se elevam sobre os estridentes taxis de três rodas, os elegantes executivos se misturam com os vendedores de rua e os monges budistas pedem esmolas silenciosamente em frente a lojas de luxo. Hospedagem no hotel.      

 

20 DE JANEIRO - COLOMBO/HABARANA

Café da manhã. Pela manhã,visitaremos a maior cidade do Sri Lanka, localizada na costa oeste e que reúne todas as culturas, religiões e influências de terras estrangeiras, em uma mistura de sons, cheiros e um caleidoscópio de cores. Os comerciantes e colonos originais foram os árabes, os portugueses, os holandeses e os británicos. Eles  deixaram para trás igrejas e monumentos, nomes , religiões, roupas, alimentos e algumas de suas línguas que foram absorvidas pelo Sri Lanka. Hoje, Colombo é uma cidade fascinante, uma feliz mistura de passado e presente, com seu próprio charme. Um fato menos conhecido, mas incrivelmente verdadeiro, é que Colombo possui uma excelente variedade de restaurantes de alta qualidade que servem comida de todo o mundo e algumas das melhores oportunidades de compras da Ásia. O principal porto marítimo do Sri Lanka fica em Colombo, ao lado dos vibrantes mercados e bazares de Pettah, uma área de comércio local. À tarde, visitaremos o Parque Nacional Minneriya Habarana (185 km, aprox. 4 h). A área foi designada parque nacional em 12 de agosto de 1997, depois de ter sido originalmente declarada um santuário da vida selvagem em 1938. O tanque é de importância histórica, pois foi construído pelo rei Mahasen no século III dC. C. O parque é um local de alimentação da estação seca para a população de elefantes que vive nas florestas dos distritos de Matale, Polonnaruwa e Trincomalee. Juntamente com Kaudulla e Girithale, Minneriya forma uma das 70 áreas importantes para Aves (IBAs) do Sri Lanka. Hospedagem no hotel.  

 

21 DE JANEIRO - HABARANA/HIRIWADUNNA/POLONNARUWA/HABARANA

Café da manhã.  Pela manhã, faremos uma excursão pela vila de Hiriwadunna,  caminhando por uma trilha de cascalho que leva ao reservatório, que é uma mistura surpreendente de contrastes. Os troncos cinzentos das longas árvores mortas erguem-se contra a exuberante vegetação verde das zonas úmidas, o que torna o local perfeito para garças. Desfrutaremos de um café da manhã em estilo piquenique. Em seguida, seguiremos por bancos de areia e plantações de banana ate chegarmos a uma clareira onde fica uma casa de barro, lar de um fazendeiro de Chena com sua família. Desfrute de uma bebida fresca e doce de coco rei antes de começar a próxima fase de sua caminhada, que o levará através de hortas e de uma floresta de arbustos, onde um carro de boi o transportará pelos arrozais. No caminho de volta, aproveite o almoço servido na folha de lótus e arroz vermelho, peixes e legumes cultivados na fazenda da vila. Após o almoço, partida para Polonnaruwa (aproximadamente 60 km, 1 hora e 30 minutos). Esta cidade medieval, declarada Patrimônio da Humanidade pela UNESCO, ganhou fama como a capital (séculos X-XII aC) após a Declínio de Anuradhapura. Toda a paisagem da região é marcada por enormes reservatórios artificiais, o mais famoso dos quais é o Parakrama Samudra ou o Mar Parakrama, maior que o porto de Colombo. Os monumentos são relativamente bem preservados e evidenciam claramente a glória do passado do Sri Lanka. Os destaques incluem o complexo do Palácio Real, incluindo o Palácio dos Reis e o Auditório, o Quadrilátero com sua concentração de patrimônio antigo e o espetacular complexo Gal Vihare de quatro imagens maciças de Buda, cortadas de uma única laje de granito. Alguns dos melhores exemplos de influência hindu são os templos de Shiva, estátuas intrincadas de deuses hindus, templos budistas fascinantes, Lankatileka e Watadage, Galpotha, o banho de lótus, Kiri Vihare Dagoba .Retorno a Habarana (aprox. 50 Kms, 1 hora) . Hospedagem no hotel.

 

22 DE JANEIRO - HABARANA/SIGIRIYA/MATALE/KANDY

Café da manhã.  Pela manhã, visita ao Forte da Rocha de Sigiriya (aprox. 25 km, 30 minutos), considerado Patrimônio Mundial da UNESCO, uma espetacular fortaleza rochosa e uma das principais atrações do Sri Lanka. Os locais mais impressionantes do complexo são os Jardins Aquáticos, os afrescos de belas donzelas, a Parede do Espelho com grafites antigos, a plataforma Lion e o Summit de 1,6 hectares, completamente coberto por edifícios durante o período da glória de Sigiriya. Construída pelo rei Kashyapa (477-495 dC), a "Pedra do Leão" é uma cidadela de beleza incomum que se eleva a 200 metros da floresta. A rocha era a fortaleza mais interna da cidade fortificada. Sua  base é cercada por um fosso, um muro e extensos jardins. Os afrescos de renome mundial (originalmente 500, dos quais restam apenas 19) foram encontrados em um local protegido da rocha. As escadas são pintadas com pigmentos de terra sobre gesso. A velha escada que levava ao topo era composta pela boca de um leão agachado, mas hoje apenas as pernas enormes permanecem, dando uma indicação das enormes proporções da cabeça. Os restos da bela cidadela real estão no topo e várias cavernas de meditação, plataformas de audiência e banhos completam o local único. Após a visita , seguiremos em direção a Kandy com uma parada em rota em Matale (aprox. 50 km, 01 hora). Visitaremos o Jardim das Especiarias e desfrutaremos de uma demonstração de como fazer um curry tradicional de legumes. À tarde, passeio pela cidade de Kandy, incluindo uma visita ao Templo da Relíquia do Dente Sagrado. Assistiremos a um show cultural. Um santuário cultural onde muitas lendas, tradições e folclore ainda são cuidadosamente mantidos, Kandy e suas cidades satélites são o centro da indústria de artesanato das ilhas (itens de madeira, latão e prata), jóias requintadas em prata ou ouro e jóias preciosas de muitas variedades, incluindo as melhores safiras azuis do mundo. Hospedagem no hotel.

 

23 DE JANEIRO - KANDY/PINNAWELA/COLOMBO

Café da manhã. Pela manhã, saída pela estrada para Pinnawala (aprox. 39 km, 01 hora) a caminho do orfanato de elefantes Pinnawela* a tempo de contemplar os elefantes tomando banho e mamadeira. Essa atração popular, estabelecida pelo governo do Sri Lanka em 1975, agora é como um santuário com 25 hectares de floresta exuberante. O número de elefantes aumentou para mais de 65, inncluindo 14 bebês nascidos como resultado do programa de criação em cativeiro e seu objetivo é alimentar, cuidar e fornecer um lar para jovens elefantes perdidos ou abandonados por suas mães. Recentemente, o santuário também iniciou um programa de melhoramento. Em seguida, saída por estrada para o aeroporto de Colombo para embarque em seu voo de regresso. Fim dos nossos serviços

 

* HORÁRIO no orfanato de elefantes:

 

08h30 - Aberto aos visitantes

09h15 – Alimentação por mamadeira

10h00 - Rebanho saindo para o rio

12h00 - Retorno do rio

13h15 - Alimentação por mamadeira

14:00 - Rebanho saindo para o rio

16.00 - Retorno do rio

17:00 – Alimentação por mamadeira

PREÇOS EM DÓLARES AMERICANOS POR PESSOA

 

Com alojamento em quarto duplo

US$ 2699,00

 

Com alojamento individual

US$ 3670,00

 

Suplemento de meia pensão (11 jantares)

US$ 250,00

 

Suplemento para voos internos na classe turística nos trechos Chennai/Trichy, Cochin/Colombo

US$ 430,00

 

* Tarifa aérea aprox. Preço e disponibilidade sujeitos a alterações até a emissão local dos bilhetes de avião

 

 

HOTÉIS DO PROGRAMA

  • Chennai -  Raiontree Annasalai / Raintree St.Mary ou similar

  • Tanjore - Ideal River View ou similar

  • Madurai - Heritage Madurai/JC Residency ousimilar

  • Periyar - Greenwoods Resort/ Cardamom County ou similar

  • Alleppey - Marvel Cruise Houseboats

  • Cochin – Trident / Le Meridien ou similar

  • Colombo – Cinnamon Lakeside

  • Habarana - Habarana Village by Cinnamon/Heritance Kandalama  ou similar

  • Kandy – Cinnamon Citadel / Amaya Hills ou similar

 

NB: reservamos o direito de alterar o hotel por outro de categoria similar, por motivos de ordem operacional.

 

1. A diária começa às 15:00 e termina às 12:00;

2. O alojamento em quarto individual nos hotéis deve ser solicitado no momento da reserva de lugar no tour; não se garante alojamento em quarto individual quando solicitado posteriormente.

 

FORMA DE PAGAMENTO:

Sinal de 30% do preço total do tour à vista (sem o uso de cartão de crédito) e o saldo de 70% em até cinco vezes sem juros com cartões de crédito VISA, MasterCard ou Diners Club; outras formas de pagamento mediante consulta.

A Rota da Seda se reserva o direito de alterar a forma de pagamento a qualquer momento antes do recebimento do sinal.

 

OS PREÇOS INCLUEM:

  • Hospedagem com café da manhã por 10 noites

  • Hospedagem por 1 noite em casa flutuante com pensão completa

  • 03 almoços incluídos, conforme roteiro

  • Traslados de chegada e saída (aeroporto / hotel / aeroporto) em carro / minivan / ônibus com ar condicionado e com assistência em espanhol

  • Maleteiros nos aeroportos e estações de trem – uma mala por pessoa

  • Visitas guiadas e excursões de acordo com o itinerário de carro / minivan / ônibus com ar condicionado

  • Guia acompanhante de língua espanhola durante todo o período

  • Entradas nos monumentos mencionados

  • 2 garrafas de água mineral por pessoa, por dia, no veículo

  • Kit de segurança com 01 par de luvas, 1 máscara N95, 1 pequeno frasco de desinfetante e 01 máscara de segurança

  • Suporte por telefone em espanhol 24 horas por dia e 7 dias por semana.

 

OS PREÇOS NÃO INCLUEM:

  • Imposto de Renda Retido na Fonte sobre a remessa de valores destinados à cobertura de gastos pessoais no exterior de pessoas físicas residentes no Brasil em viagens de turismo.

  • Passagens aéreas de voos domésticos ou internacionais;

  • Seguro de viagem (ATENÇÃO: Nunca viaje sem seguro de viagem!), que deve ser contratado separadamente;

  • Bebidas nas refeições;

  • Emissão de passaportes e vistos

  • Refeições não mencionadas no roteiro;

  • Serviço de guarda-volumes em hotéis e aeroportos;

  • Bolsa de viagem, etiquetas de bagagem, porta-vouchers, capa de passaporte nem nenhum outro brinde;

  • Nenhum material impresso (toda a documentação de viagem é enviada apenas eletronicamente);

  • Excursões, passeios, visitas, espetáculos, atividades e refeições OPCIONAIS que venham a ser oferecidos pelo guia;

  • Direito de fotografia e filmagem nas atrações visitadas em que ele é cobrado à parte;

  • Gastos de caráter pessoal, como despesas adicionais em hotéis, bebidas nas refeições, telefonemas, táxi etc., sendo estas de responsabilidade exclusiva do passageiro;

  • Gorjetas para o guia e para o motorista (sempre a critério do passageiro, mas tradicionalmente esperadas em qualquer país).

 

BAGAGENS:

Nas viagens de ônibus, se transportará gratuitamente uma unidade de bagagem de tamanho médio com um peso máximo de 30 quilos por pessoa. O excesso de bagagem será aceito sempre e quando a capacidade de carga do veículo o permita e com prévio pagamento de uma taxa a ser determinada em casa caso, podendo ser recusado sempre a critério do guia ou pessoa responsável. A bagagem não faz parte do contrato de transporte, ficando entendido para todos os efeitos que o passageiro deve conservá-la sempre consigo qualquer que seja a parte do veículo ou do hotel em que estiver acomodada, e que é transportada pelo passageiro por sua conta e risco, sem que o Operador local possa ser obrigado a responder contratualmente pela perda ou danos que possa sofrer, seja qual for a razão.

 

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS:

No momento da reserva, é imprescindível encaminhar as cópias das principais páginas do seu passaporte (com validade mínima de 6 meses além da data de entrada no país) onde constam: nome completo, data de nascimento, nacionalidade, número do passaporte com data de emissão e validade, endereço completo, número de CP

 

OBSERVAÇÕES IMPORTANTES:

A reserva de lugar na parte terrestre do tour se dá mediante confirmação pela Rota da Seda no momento do recebimento do sinal, e a inscrição é efetivada no momento do recebimento pela Rota da Seda da integralização do pagamento e do contrato de aquisição de programa de viagem internacional assinado e rubricado em todas as páginas dentro do prazo estipulado. O pagamento do sinal pelo passageiro implica sua aceitação integral do programa, dos preços, das formas de pagamento, das presentes observações, das dicas de viagem e do contrato anexo.

Os preços deste tour estão fixados em dólares, e serão convertidos para reais pelo câmbio do dólar turismo a ser informado pela Rota da Seda no dia do pagamento do sinal. Não serão aceitos pagamentos em moeda estrangeira.

A entrega do contrato de aquisição de programa de viagem internacional assinado e rubricado em todas as páginas, da autorização de débito original corretamente preenchida e assinada sem rasuras, da fotocópia legível da frente e do verso do cartão de crédito usado para o pagamento, da carteira de identidade e do CPF do seu titular, deve ser feita à Rota da Seda no prazo máximo de uma semana após o pagamento do sinal. A não observação desse prazo, bem como a entrega de documentos incompletos, rasurados, incorretamente preenchidos ou sem assinatura válida, serão consideradas desistência do tour, com o consequente cancelamento dos serviços solicitados e perda do sinal.

O sinal de 30% do preço total do tour não é válido para outro tour da Rota da Seda.

Em caso de cancelamento perda de 20% (vinte por cento) do valor total do tour e dos serviços adicionais contratados, acrescido de todo e qualquer valor a qualquer título que venha a ser cobrado pelo fornecedor.

Em caso de cancelamento perda de 20% (vinte por cento) do valor total do tour e dos serviços adicionais contratados, acrescido de todo e qualquer valor a qualquer título que venha a ser cobrado pelo fornecedor.

Rota da Seda Viagens e Turismo

Diretos reservados para o uso da marca  Tchayka
Rua Harmonia, Nº 1031 – Vila Madalena
 São Paulo  - SP CEP: 05435-000
Fone: (11)  3097 0737
contato@rotadaseda.tur.br
WhatsApp-icone.png